Radar da Bola

Alonso marca duas vezes e Chelsea vence Tottenham no Wembley

O atual campeão inglês conheceu sua primeira vitória na competição. Na primeira rodada, o Chelsea havia perdido em casa para o modesto Burnley. Atuando no Wembley, o Chelsea venceu o Tottenham por 2 a 1. Com dois gols do lateral espanhol, Marcos Alonso para os Blues. Já o Tottenham viu sua primeira derrota na competição e a maldição de atuar no Wembley.

O embate entre o campeão e vice da temporada passada, teve boas oportunidades para o Tottenham, mas o  Chelsea aproveitou as poucas chances de gol e venceu. Os Spurs não tem muita sorte no Wembley, que será sua ‘nova’ casa até o White Hart Lane estiver pronto para a próxima temporada. São apenas duas vitórias em 11 jogos no estádio.

Sem Diego Costa e Hazard, Conte teve Morata e Willian em seus lugares. O Tottenham veio com o que tem de melhor. Atuando com Bakayoko, Kante e David Luiz no meio campo, o Chelsea pouco criou durante todo o jogo porém, foi cirúrgico.

Tottenham martela mas Chelsea marca

A primeira chance veio com Morata. O novo camisa 9 perdeu um gol incrível de cabeça, após cruzamento de Azpilicueta. O Tottenham atacou com Harry Kane. O centroavante dos Spurs obrigou Courtois defender em dois tempos. O Tottenham tentou duas vezes porém mandando a bola para o alto. A primeira com Delle Alli e Dembélé.

O Tottenham martelava mas não marcou. Como tinha que ser, o primeiro gol saiu de bola parada. Em cobrança de falta com perfeição, Marcos Alonso colocou a bola na gaveta de Lloris e abriu o placar.

Com o placar adverso, o Tottenham buscou o empate mas parou em Courtois. Harry Kane ganhou da defesa e caindo, mandou para fora. Novamente Kane, chutou rasteiro para fora. Aos 39, Eriksen quase empatou. Em cobrança de falta do dinamarquês, a bola atravessou a área do Chelsea e foi para fora. No final da primeira etapa, Kane acertou a trave azul. Em troca de passes rápida, o camisa 10 bateu rasteiro e acertou o pé da trave.

Alonso duas vezes

O segundo tempo foi semelhante ao primeiro. O Tottenham tendo a posse de bola e o Chelsea buscando os contra-ataques para matar o jogo. Apesar do domínio no segundo tempo, Pochettino não conseguiu fazer com que seus jogadores empatassem ou conseguissem a virada.

A primeira chance de gol saiu somente aos 23 minutos, com um chute sem direção de Wanyama. O Chelsea conseguiu seu primeiro ataque aos 26, Morata cortou o zagueiro mas chutou prensado, a bola passou próximo ao gol. Pouco tempo depois, Moses chutou com força e mandou para fora. O Chelsea começou a gostar do jogo e conseguiu ter mais a posse de bola, algo que não teve no primeiro tempo.

Aos 28 minutos, Willian acertou a trave de Lloris. O brasileiro chutou de fora da área e viu a bola encontrar a trave direita do Tottenham. Vendo que o Chelsea poderia matar o jogo, Conte colocou Pedro e Batshuayi. Só que Batshuayi fez o contrário e marcou contra. Aos 37, em cobrança de falta de Eriksen, Batshuayi cabeceou para o próprio gol e empatou a partida.

O jogo se encaminhava para o empate, mas Marcos Alonso mostrou-se ser decisivo. O lateral espanhol recebeu  passe de Pedro, bateu com força e contou com a ajuda de Lloris para virar o jogo em 2 a 1.

Pela terceira rodada do Campeonato Inglês, o Tottenham voltará a jogar em casa, contra o Burnley, no domingo, às 12h (de Brasília). No mesmo dia, o Chelsea receberá o Everton no Stamford Bridge, às 9h30.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *