Radar da Bola

City goleia e encaminha classificação para Champions

Após empate frustrante diante do Middlesbrough fora de casa, o Manchester City não teve piedade e goleou o Crystal Palace por 5 a 0. O resultado deixou o time de Manchester mais próximo da classificação da Champions League enquanto o Crystal Palace, ainda ameaçado pelo rebaixamento. 

Sem contar com seu artilheiro Agüero (lesionado), Pep Guardiola escalou Gabriel Jesus de centroavante. A partida foi fácil para os citizens. Logo no primeiro minuto, David Silva abriu o placar. O espanhol aproveitou o rebote na pequena área e de primeira abriu o placar. Com um time mais leve e veloz, Guardiola escalou Sané, De Bruyne, Silva, Sterling e Jesus. O tática ofensiva deu certo. Sufocando a defesa e criando diversas jogadas pelas laterais.

O City criou muitas chances de gol, duas delas vieram nos pés de Sané. Aos 30, o alemão fez a jogada individual e bateu cruzado, Hennesey espalmou, no rebote Sterling chutou e o zagueiro afastou. Em mais uma jogada de velocidade, De Bruyne tocou para Sané que finalizou em cima do goleiro. do lado do Crystal Palace, os comandados de Sam Allardyce, quase empataram o jogo. Em um cruzamento pela direita, Benteke subiu de cabeça e Caballero se esticou e fez grande defesa.

Chuva de gols

Se na etapa inicial o City perdeu muitos gols, na segunda etapa foi diferente. Em um cruzamento pela direita de Kevin De Bruyne, o zagueiro Kompany acertou um belo chute e estufou a rede adversária. Aos 7 minutos, o belga novamente apareceu, desta vez, em uma cobrança de falta. A bola bateu na trave e segurou o grito de gol da torcida no Etihad Stadium.

O City chegava facilmente ao ataque, foi criando oportunidades a todo momento do jogo. Em uma destas chances, Kevin De Bruyne finalmente anotou seu tento. O brasileiro Gabriel Jesus em impedimento, ganhou do zagueiro e tocou para o meia. O camisa 17 bateu com categoria no canto esquerdo do goleiro, anotando o 3º gol do City.

Do lado adversário, o Crystal Palace com menos inspiração no segundo tempo, chegou a assustar somente aos 25 minutos. Flamini, ex-Arsenal, arriscou de longa distância, a bola desviou na defesa e Caballero mandou para fora.

O quarto gol não demorou a sair. Em um lançamento de Touré para De Bruyne, o meia do City cruzou para Sterling que bateu de esquerda e aumentou o massacre em Manchester. Nos acréscimos deu tempo de Otamendi marcar o seu. Em cobrança de falta, De Bruyne colocou na cabeça do zagueiro que anotou o quinto gol do City, O meia registrou sua 15ª assistência no campeonato.

O resultado levou o Manchester City para a 3º colocação, 69 pontos. Terá que torcer contra o Liverpool, que receberá o Southampton em casa, neste domingo. O Crystal Palace mantém a disputa para não entrar na zona do rebaixamento, com 38 pontos.

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *