Radar da Bola

Em um dos melhores jogos da liga, City e Liverpool ficam no empate

Em um ótimo duelo, Manchester City e Liverpool empataram em 1 a 1, no Etihad Stadium. Os Reds saíram na frente com Milner, ex-City, de pênalti. O City empatou com Agüero. Com o resultado, o City vai à 57 e o Liverpool 56 pontos, ocupando a terceira e quarta posição. Porém, aumentando a distância entre Tottenham (59) e Chelsea (líder) com 69 pontos.

Melhor primeiro tempo da temporada

O primeiro tempo foi agitado principalmente nos minutos finais, o City manteve a invencibilidade de seis jogos sem perder na liga e o Liverpool com grande aproveitamento de seis jogos consecutivos sem perder para o City (3 vitórias e 3 empates).

A primeira chance saiu nos pés de Sané, melhor jogador do City na primeira etapa. O alemão chutou cruzado para a defesa de Mignolet com os pés, na sequencia, David Silva pegou de primeira e mandou para fora, quase abrindo o placar da partida. O Liverpool assustou aos 23 minutos, Mané ganhou na corrida de Otamendi e avançou a pequena área, na hora do arremate, o senegalês foi derrubado pelo zagueiro porém, o arbitro não marcou o pênalti.

A melhor chance do City veio aos 38 minutos, em um cruzamento rasteiro de David Silva, Sterling não conseguiu bater na bola, no rebote, Fernandinho escorregou e perdeu um gol incrível.  Nos minutos finais, o Liverpool perdeu duas chances de gol. Na primeira, Firmino bateu colocado para a defesa de Caballero. Após escanteio, Lallana acertou um chutaço para mais uma intervenção do goleiro argentino, fazendo jus à titularidade.

A lei do EX e Agüero novamente salva

Na segunda etapa, o primeiro ataque do Liverpool originou em um pênalti. Em um lançamento de Can para Firmino, o brasileiro foi derrubado por Clichy e o árbitro Michal Oliver desta vez, assinalou a penalidade. O ex jogador do City, Milner campeão duas vezes pela equipe de Manchester e muito vaiado pela torcida neste domingo, não sucumbiu a pressão e abriu o placar.

O Liverpool seguiu comandando na partida, cinco minutos após o gol, Firmino parou em Caballero. Desperdiçando a chance de aumentar o placar e dar tranquilidade aos Reds. Vendo o domínio do Liverpool, Guardiola optou pela saída de Yaya Touré e liberar Fernandinho para a função de origem (volante). No lugar do marfinense, Sagna ocupou a lateral. Com esta alteração, o City anulou a saída de bola do Liverpool com Wijnaldum e Can, obrigando Coutinho e Lallana buscarem o jogo.

O empate era questão de tempo, aos 24 minutos, em um cruzamento rasteiro de Kevin De Bruyne, o camisa 10 do City, Agüero antecipou a defesa e mandou para o fundo das redes. O argentino anotou seu 25º gol na temporada e 7 gols nos últimos 7 jogos (Campeonato Inglês). Após o empate, o jogo se tornou mais dinâmico, Firmino assustou com um chute na rede do lado de fora e De Bruyne mandou a bola na trave após bela jogada individual de Agüero.

 

Mas, as melhores chances viriam nos minutos finais, em um lindo passe de Wijnaldu para Firmino, o brasileiro tocou para Lallana que sozinho, furou e perdeu uma chance inacreditável de virar a partida. Do lado dos azuis de Manchester, David Silva deu uma cavadinha para Sterling, que com um leve toque, encobriu Mignolet mas, Milner afastou o perigo. Para desespero dos torcedores, nos acréscimos, De Bruyne cruzou para Agüero que de primeira mandou os três pontos para fora. Concretizando em um dos melhores jogos da temporada e da liga.

Os próximos confrontos dos dois times serão em clássicos. Haverá a pausa para as eliminatórias e amistosos FIFA. O Manchester City visitará o Arsenal, no Emirates Stadium em 2 de abril (domingo). Já o Liverpool, fará o clássico local contra o Everton no dia 3 (segunda).

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *