Radar da Bola

Vitória fora de casa e pernoite na vice-liderança

Com gol decisivo de Rildo, Coritiba garante mais três pontos, dorme no segundo lugar e deixa Vitória ainda sem ganhar no campeonato

O Rubro-Negro baiano foi para campo na noite de hoje (27) como se estivesse disputando uma decisão. Sem pontos ainda no Brasileirão 2017, o Vitória recebeu o Coritiba em casa. Numa partida cheia de erros das duas equipes, após tanta persistência, a Arena Fonte Nova ficou alviverde.

Com um golaço de Rildo – que tinha acabado de entrar em campo, no segundo tempo – que o Coritiba venceu o Vitória em Salvador, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O Coxa conseguiu, além do único gol da partida, dormir na vice-liderança do campeonato.

Agora, o elenco alviverde volta para a capital paranaense e foca em uma semana intensa de treinamentos, esperando o clássico Atletiba, pela quarta rodada do Brasileirão.

Muitos erros, pouco ataque

O jogo começou extremamente parado, com as duas equipes criando pouco e apenas tocando a bola. Taticamente o Coritiba se mostrava mais maduro em campo, porém precisava acertar o time principalmente no meio de campo. Os erros bobos das duas equipes comprometiam o jogo. O primeiro lance de ataque aconteceu aos 26’ quando Kieza cruzou da esquerda, a bola desviou em Márcio e passou com perigo perto do gol de Wilson.

O Coritiba errava muitos passes na saída de bola. Já o Vitória conseguia se recuperar, mas errava a definição de suas jogadas. O Coxa cresceu no fim da primeira etapa. Aos 32’, Henrique Almeida se livrou da marcação, chutou firme e a bola tocou a trave esquerda do goleiro Fernando Miguel. Na sequência, após cruzamento de William Matheus, Henrique Almeida cabeceou e Fernando Miguel conseguiu espalmar.

As tentativas aconteceram também para o lado dos donos da casa. Aos 38’, Fred soltou uma bomba, mas o goleiro Wilson conseguiu fazer a defesa. Já aos 40’, David passou pelo marcador, arriscou de fora da área e assustou o goleiro Wilson.

Entrou e decidiu: Rildo

O grande destaque do Coritiba tem sido as conexões existentes dentro do meio de campo. Mas na partida dessa noite isso não estava funcionando e apenas um elemento tinha culpa: o grande número de erros de passe. As oportunidades apareciam no aproveitamento dos erros adversários, em ambos os lados.

Após ter bola recuada, o Rubro-Negro baiano vê o Coxa tentar abrir o placar. Aos 9’, em cobrança de tiro indireto de Henrique Almeida, o atacante Paulinho tirou a bola em cima da linha. Na sequência, William Matheus tocou em frente ao gol e Fernando Miguel, em um milagre, salvou.

Aos 14’, Pachequinho resolveu fazer a troca que mudaria não somente o time, como o placar da partida. Neto Berola, fraco em campo, deu lugar à Rildo. E aos 26’, o atacante mostra a que veio. Após cruzamento rasteiro de Tiago Real pela direita, Rildo aparece bem na área e faz gol de letra, abrindo o placar na Arena Fonte Nova.

Após o gol do adversário e com a intensificação da pressão vinda da torcida, o Vitória foi todo para o ataque, em busca do gol de empate. Até o último instante da partida o time soteropolitano seguiu rondando a área do Coxa em busca do gol, mas a vitória mesmo foi alviverde.

Na próxima rodada, o Vitória vai até o Rio de Janeiro e enfrenta o Fluminense, às 21h de sábado, no Maracanã. O Coritiba encara o clássico Atletiba, no próximo sábado, às 16h, em casa.

FICHA TÉCNICA

Vitória 0 x 1 Coritiba

VITÓRIA (4-3-3): Fernando Miguel; Leandro Salino, Fred, Alan Costa e Geferson; Willian Farias, Uillian Correia e Cleiton Xavier; Paulinho (Pineda), David e Kieza

Técnico: Petkovic.

CORITIBA (4-3-3): Wilson; Dodô, Márcio, Werley e William Matheus; Alan Santos, Matheus Galdezani e Tomas Bastos (Jonas); Neto Berola (Rildo), Henrique Almeida e Kleber

Técnico: Pachequinho.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *