Radar da Bola

Olympiakos sai na frente, mas cede empate ao Besiktas

Olympiakos e Besiktas, rivais históricos, se enfrentaram hoje em Pireus, e o placar de empate mostrou o que foi a partida

Em crise após perder clássicos seguidos e com o treinador do Sub20, o Olympiakos recebeu o Besiktas em sua casa e no fraco primeiro tempo mostrou que não iria dar espaço para mais uma derrota, sem muitos momentos claros de gol, a primeira e melhor saiu só aos 36 minutos quando Karim Ansarifard fez um ótimo cruzamento para a área e Esteban Cambiasso saiu da marcação para cabecear no canto direito de Fabri, abrindo assim o placar no Karaiskakis.

O segundo foi diferente, com o placar contra, o Besiktas começou a chegar com mais perigo e dominou a etapa complementar, aos 50 minutos Anderson Talisca aproveitou um rebote para mandar em direção ao gol, Nicola Leali bem posicionado conseguiu a defesa. Minutos depois, Alberto Botía criou espaço na frente do gol e com um cabeceio assustou Fabri.

O Olympiakos desperdiçou a chance de ampliar o marcado, porém o Besiktas não cometeu o mesmo erro, e na sequencia do lance, a defesa grega falhou na cara de Vincent Aboubakar que na entrada da área não desperdiçou e deixou tudo igual. Alguns minutos depois, Ryan Babel fez boa jogada individual, limpou Leali, mas chutou na defesa.

O Besiktas que queria vencer, teve ainda mais uma grande chance de virar, Dusko Tosic subiu alto para alcançar um cruzamento, e à queima-roupa tocou de cabeça no canto direito, a bola estava para entrar, até que Leali se recuperou e impediu um belo gol. Os Turcos dominaram a etapa complementar, mas não conseguiram virar o placar.

Agora na próxima partida, que será realizada dentro de uma semana, o Olympiakos joga por qualquer empate por mais de um gol, o Besiktas se contenta com o empate em zero, a repetição do placar levará para a prorrogação, e posteriormente as penalidades.

Antes do duelo decisivo, o Olympiakos receberá o Atromitos Peristeri, e o Besiktas, também em casa, recebe o Kayserispor, ambos pelos campeonatos locais.

Olympiakos – Nicola Leali; Aly Cissokho, Alberto Botía (Manuel Da Costa), Panagiotis Retsos, Diogo Figueiras; Alaixys Romao, Esteban Cambiasso (André Martins); Giorgos Manthatis, Kostas Fortounis (Marko Marin), Tarik Elyounoussi; Karim Ansarifard

Besiktas – Fabri; Gonul, Marcelo, Duško Tošić, Adriano; Tolgay Arslan (Oğuzhan Özyakup), Atiba Hutchinson; Ricardo Quaresma, Anderson Talisca (Gökhan Inler), Ryan Babel; Vincent Aboubakar (Cenk Tosun)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *