Radar da Bola

A máquina está aqui! Cristiano marca duas vezes e Juventus bate Sassuolo

Juventus recebeu o Sassuolo nesta manhã de domingo no Allianz Stadium e sofreu para conseguir sair com a vitória.

Juventus e Sassuolo vinham invictos no Campeonato Italiano. Enquanto os bianconeros tinham três vitórias consecutivas, os visitantes estavam com duas vitórias e um empate. No entanto, quem levou a melhor foi mesmo a Juve.

Sem Pjanic, de fora poupado provavelmente pela Champions League, Emre Can assumiu a titularidade, apesar das características diferentes. Além dele, Chiellini é outro titular absoluto que também não jogou. No lado do Sassuolo, destacam-se vários nomes conhecidos: Domenico Berardi, Prince Boateng, Locatelli, sendo esses dois últimos ex-Milan, com Locatelli emprestado.

Em campo, Allegri manteve o esquema com um tridente ofensivo. Desta vez, assim como em algumas outras situações nos últimos jogos, Dybala assumiu um papel mais de criador enquanto Cristiano e Mandzukic fizeram uma dupla de centroavantes.

Como grande parte dos jogos na Allianz Stadium, o domínio da posse foi da Juventus. No primeiro tempo, o primeiro a ameaçar definitivamente foi o Sassuolo, com uma cabeçada de Ferrari nas mãos de Szczesny.
Aos 37′, Juve chegou pela primeira vez com um quase gol contra de Pol Lirola, mas Consigli fez uma defesa extraordinária.

Pouco tempo depois, Duncan chegou a marcar um gol para o Sassuolo mas não foi validado pelo Daniele Chiffi. O árbitro viu falta de Djuricic em Cancelo no ínicio da jogada. E o 0-0 permaneceu até o final do primeiro tempo que foi marcado pelas faltas e um jogo que não se desenrolava. A Juve pecava muito também em forçar diversas bolas para Cristiano.

Desencantou de vez e já fez logo dois

Depois da primeira etapa morna, a história de Ronaldo começou a ser escrita nas cores bianconeras. Num escanteio cobrado por Dybala aos cinco minutos do segundo tempo, Bonucci emendou uma bicicleta meio sem jeito. A bola ia para fora se não fosse Ferrari que tentou afastar o perigo mas cabeceou na trave. Com Consigli abatido e o gol aberto, Cristiano teve a chance que tanto procurava para balançar as redes e marcar pela primeira vez com a camisa da Juventus.

Aos 65′, em um contra-ataque veloz da Juventus, Emre Can serviu Cristiano que bateu cruzado de esquerda marcando seu segundo tento no jogo. Sassuolo ainda conseguiu diminuir com gol de cabeça de Babacar, aos 46′. Berardi ainda acertou um chute de fora da área, mas Sczesny segurou firme. Mas a partida não acabou ai.

Douglas Costa se entranhou muito com Di Franscesco. Depois de acertar uma cotovelada, ainda cuspiu no jogador. Chiffi, sem titubear, expulsou o brasileiro.

Uma observação importante: por mais que Cristiano tenha sido o grande nome da partida, o seu compatriota Cancelo foi um dos jogadores a fazer a diferença. Não só foi seguro defensivamente, como produziu muito no ataque. Partidaça de ambos os portugueses.

Próximo compromisso da Juventus agora é na Champions League. O adversário será o Valencia, na Espanha, na quarta-feira (19). O Sassuolo continua na Serie A e irá enfrentar o Empoli, em casa.


Juventus 2×1 Sassuolo – Série A TIM – 4ª rodada

Estádio: Allianz Stadium

Juventus (4-3-3): Szczesny; Cancelo, Benatia, Bonucci, Alex Sandro (Cuadrado); Khedira, Emre Can (Bentancur), Matuidi; Dybala, Mandzukic (Douglas Costa) e Cristiano Ronaldo
Treinador: Massimiliano Allegri

Gols.: Cristiano Ronaldo (50′ 65′)

Sassuolo (4-3-3): Consigli; Pol Lirola, Marlon Santos, Ferrari, Rogerio (Dell ‘Orco) Bourabia, Locatelli (Babacar), Duncan; Berardi, Boateng e Djuricic (Di Francesco)
Treinador: Roberto de Zerbi

Gols.:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *