Radar da Bola

Atlético-PR derrota Grêmio e sai da zona de rebaixamento

Jogando em casa, o Furacão vence por 2×1 os reservas do Grêmio e consegue respirar fora da Z4 do Campeonato Brasileiro

A equipe paranaense derrotou o Grêmio por 2 a 1 e deixou de fazer parte – pelo menos momentaneamente – da zona de rebaixamento do Brasileirão 2018. Essa é a quinta partida consecutiva em que o Atlético-PR não perde na Série A, somando ainda a terceira vitória seguida dentro de casa.

Atlético-PR vira o jogo na Arena da Baixada e consegue vencer o Grêmio

O Grêmio até saiu na frente no placar com um gol de pênalti, marcado por Cícero. Mas a reação do Furacão foi rápida e a partida ficou empatada com o gol marcado por Pablo. Já na segunda etapa da partida, Jonathan tabelou com Bruno Nazário e garantiu mais três pontos para a equipe paranaense.

O resultado deixa o Furacão com 21 pontos, indo momentaneamente para a 14ª colocação da tabela, porém para continuar fora do Z4 o Atlético-PR depende do complemento da rodada. Já o Grêmio segue em quarto lugar, somando 37 pontos, mas pode ser ultrapassado pelo Palmeiras, caso a equipe paulista vença o Internacional amanhã (26).

Tudo empatado na Arena da Baixada

Mesmo jogando na casa do adversário, o Grêmio pressionou bastante o Atlético-PR no começo da partida e quase abriu o placar aos 4’ de jogo. Cícero deu lançamento com açúcar para Pepê, que saiu em velocidade às costas da zaga do Atlético-PR e finalizou na saída de Santos, com um toquinho. A bola explodiu na trave do goleiro Santos.

Porém os ventos sopravam a favor dos visitantes, e se na primeira chance a bola do Grêmio ficou na trave, a segunda foi muito bem aproveitada. Aos 7’, Leonardo cobrou falta para a área. Léo Pereira e Paulo Miranda se enroscaram dentro da área. O zagueiro gremista caiu com o contato do rival, e o árbitro marcou pênalti. Cícero partiu para a bola, encurtou os passos e cobrou com categoria. Santos caiu para esquerda e a cobrança foi para a direita.

Os donos da casa não se abateram com o gol sofrido e rapidamente conseguiram igualar o placar. Aos 12’, Pablo recebeu dentro da área, de costas para a meta. O atacante girou sobre Bressan e chutou de pé direito no ângulo de Paulo Victor, marcando um golaço.

Aos 23’ o Furacão levou perigo à meta adversária. Marcinho cobrou escanteio fechado. Zé Ivaldo desviou de cabeça no primeiro poste, e a bola saiu com muito perigo. Logo em seguida, também após escanteio, Marcinho cobrou fechado mais uma vez, direto para o gol. Porém Paulo Victor conseguiu afastar de soco.

Atlético-PR vira o placar e consegue mais uma vitória

O Furacão voltou para a segunda etapa da partida disposto a sair de campo com os três pontos na conta. A primeira chance foi logo aos 4’ com Renan Lodi.. O lateral-esquerdo avançou pela esquerda e tentou o chute para o gol. Porém o goleiro Paulo Victor conseguiu defender.

Aos 22’ o técnico Tiago Nunes colocou Bruno Nazário no lugar de Nikão e foi o atacante quem participou da jogada responsável pelo gol da vitória atleticana. Aos 24’, Jonathan tabelou com Bruno Nazário e saiu às costas de Marcelo Oliveira dentro da área. O lateral saiu na cara de Paulo Victor e deu apenas um toquinho para deslocar o goleiro. Aos 49’ o árbitro apitou o final da partida e o Atlético-PR venceu o Grêmio por 2 a 1, de virada, na Arena da Baixada.

O Furacão volta a campo na quarta-feira (29), às 19h30, quando encara o Vasco na Arena da Baixada, em partida atrasada da 15ª rodada do Brasileirão. Depois, na 22ª rodada, terá pela frente o Bahia, novamente em casa, no próximo domingo (02/09), às 16h. O Grêmio dirige seu foco total a Libertadores. A equipe recebe o Estudiantes na Arena na terça-feira (28), ás 21h45, pelo jogo da volta das oitavas de final. O Grêmio precisa vencer por 1 a 0 para ficar com a vaga após perder a ida por 2 a 1 na Argentina. Pelo Brasileirão a próxima partida está marcada para o sábado (1º/09), às 16h, também em casa, contra o Botafogo.

FICHA TÉCNICA

Atlético-PR 2 x 1 Grêmio

ATLÉTICO-PR (4-5-1): Santos; Jonathan, Léo Pereira, Zé Ivaldo e Renan Lodi; Wellington (Bruno Guimarães), Lucho González e Raphael Veiga (Márcio Azevedo); Nikão (Bruno Nazário), Pablo e Marcinho

Técnico: Tiago Nunes.

GRÊMIO (4-5-1): Paulo Victor; Leonardo, Paulo Miranda, Bressan e Marcelo Oliveira; Cícero, Thaciano (Lincoln), Marinho (Thonny Anderson), Douglas (Jean Pyerre) e Alisson; Pepê

Técnico: Renato Gaúcho.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *