Radar da Bola

Furacão joga mal e vê Palmeiras golear

Equipe paranaense abusou dos erros em campo e foi dominado pelo time paulista na Arena da Baixada

Com uma atuação que deixou a desejar, o Atlético-PR se viu dominado pelo Palmeiras, e levou uma goleada de 3 a 1 na tarde deste domingo (06), na Arena da Baixada. A partida foi válida pela quarta rodada do Brasileirão.

Palmeiras goleia Atlético-PR na Arena da Baixada

Antes da derrota diante do Palmeiras, a equipe rubro-negra somava dez jogos em invencibilidade, sendo quatro vitórias e seis empates com a equipe principal. No ano, essa foi a segunda derrota do Furacão.

Com o resultado de hoje, o Atlético-PR se manteve com cinco pontos, se mantendo na zona intermediária da classificação. Já o Palmeiras foi para a segunda posição da tabela, somando oito pontos, dois a menos que o líder Flamengo.

Equipe visitante abre o placar no fim do primeiro tempo

A partida iniciou com marcação forte e bastante estudo de ambas as equipes. Com pouca criatividade de criação na parte inicial da partida, o Atlético-PR foi quem teve as melhores oportunidades de gol. Aos 20’, Matheus Rossetto surpreendeu com um chute de longe. Jailson, que estava adiantado, precisou se esticar para jogar a bola para escanteio. Logo depois, aos 24’, Rossetto chutou de fora da área e quase surpreendeu Jailson. A bola pegou altura e foi para a linha de fundo.

Porém o que prevaleceu foi a efetividade do adversário paulista. Pressionando com força e precisão a saída de bola rubro-negra, o Palmeiras chegou com perigo pela primeira vez aos 36’. Felipe Melo arriscou de fora da área e quase pegou o goleiro Santos de surpresa. A bola passou perto da trave e foi para a linha de fundo. Mas após as tentativas, a equipe paulista conseguiu marcar o gol. Aos 43’, Dudu cruzou no peito de Keno. Ele esperou a chegada de Bruno Henrique, rolou para o volante, que bateu firme para abrir o placar.

Furacão desconta, mas não evita derrota de goleada

Levando a vantagem no placar, a equipe Alviverde passou a ficar na defensiva, apenas esperando o Atlético-PR em seu campo de defesa. O adversário também apostou nos contra-ataques para buscar matar o jogo. E foi em uma dessas jogadas que o segundo gol do time paulista saiu. Aos 14’, após cobrança de escanteio ensaiada, Marcos Rocha tocou para Dudu na área, que bateu forte para a defesa de Santos. No rebote, Marcos Rocha pegou de primeira e ampliou o placar.

Apostando nos erros do Furacão, o Palmeiras conseguiu marcar o terceiro gol. Aos 39’, Bruno Henrique recuperou a bola, que sobrou para Hyoran acionar Willian no ataque. Com a zaga do Atlético-PR toda aberta, Willian conduziu a bola até a área e chutou na saída de Santos. O Furacão ainda conseguiu descontar aos 44’, Bergson lançou Jonathan, que tocou para Pablo diminuir na Arena da Baixada.

As duas equipes jogam no próximo domingo, às 16h, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro 2018. O Atlético-PR recebe o Atlético-MG na Arena da Baixada. Já o Palmeiras visita o Corinthians na arena rival. Antes disso, na quarta-feira (09), o Palmeiras enfrenta o América-MG pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Já na quinta (10), o Atlético-PR encara o Newell’s Old Boys, na Argentina. A equipe brasileira venceu por 3 a 0 na ida.

FICHA TÉCNICA

Atlético-PR 1 x 3 Palmeiras

ATLÉTICO-PR (3-4-3): Santos; Esteban Pavez, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Matheus Rossetto (Renan Lodi), Camacho, Lucho González (Jonathan) e Thiago Carleto (Bergson); Nikão, Guilherme e Pablo

Técnico: Fernando Diniz.

PALMEIRAS (4-3-3): Jailson; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo (Thiago Santos), Bruno Henrique e Moisés (Lucas Lima); Dudu, Keno (Hyoran) e Borja

Técnico: Roger Machado.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *