Radar da Bola

Coritiba sofre nova derrota e está fora da Taça Caio Júnior

Equipe alviverde fica perdida em campo, não consegue criar e vê domínio do time da tríplice fronteira dentro da sua casa, do início ao fim da partida

Após a conquista do primeiro turno (Taça Dionísio Filho), o Coxa sofre um revés seguido de outro dentro do segundo turno do estadual. Em mais um dia ruim, a equipe alviverde foi totalmente dominada pelo adversário e perdeu para o Foz do Iguaçu, por 3 a 1. A partida aconteceu neste domingo (11), no Couto Pereira, e foi válida pela terceira rodada da Taça Caio Júnior.

Foz vai até o Couto Pereira e garante festa na casa do adversário

Somando três derrotas consecutivas no segundo turno do estadual, a equipe alviverde direciona todas as atenções para a Copa do Brasil. O time precisa reverter sua desvantagem no jogo contra o Goiás, no meio da semana.

Foz marca o primeiro ainda no primeiro tempo

O atacante Luccas Brasil, da equipe visitante, avançou pelo meio e arriscou de fora. A bola saiu à esquerda do gol na primeira finalização da partida, ainda aos 22 segundos de jogo. Depois disso, a parte inicial da partida foi sem muita criação de ambos os lados.

Os visitantes voltaram às tentativas de chegada aos 10’, com Raphael Alemão.  Ele avançou pelo meio, ajeitou para a esquerda e soltou a bomba. Wilson fez a defesa de segurança, espalmando para a linha de fundo. A resposta do Coritiba veio apenas aos 17’. Kady recebeu pela esquerda, passou por Alex Maranhão e bateu cruzado. A bola saiu à direita do gol adversário.

A pouca produtividade dos donos da casa fez com que a equipe da fronteira gostasse mais do jogo e buscasse o gol. Aos 22’, após bola cruzada na área, ninguém da defesa alviverde acompanhou na segunda trave e Luccas Brasil cabeceou com muito perigo à direita do gol de Wilson. Mas foi aos 28’ que o gol aconteceu. Matheus Olavo, que vinha arriscando bastante de fora da área, soltou uma bomba na cobrança de falta, sem chance para o goleiro Wilson.

O Coxa seguiu tendo dificuldades em levar ameaça ao adversário. A melhor oportunidade de empate foi aos 36’. Após cobrança para a área e um bate e rebate louco, Alvarenga soltou uma bomba e Glauber fez a defesa.

Foz continua passeando e marca mais dois

Com um primeiro tempo ruim para os mandantes, a segunda etapa conseguiu ser ainda pior. A equipe adversária tinha total domínio da partida, e seguiu criando as melhores chances no jogo. Logo aos 10’, Luccas Brasil invadiu a área em velocidade, deu um elástico por baixo das pernas de Alan Costa e cruzou rasteiro. Raphael Alemão apareceu na hora certa na pequena área, precisando só empurrar a bola para o fundo da rede.

Aos 13’, Matheus Bueno tentou uma finalização de longe, mas a bola apenas passou perto da trave. O Coxa não ameaçou mais a meta de Glauber, e só deu Azulão até o fim da partida. Aos 29’, Leandro Silva soltou a bomba na falta, e Wilson espalmou. Paulinho recuperou, chutou para nova defesa, mas Marcelo Soares aproveitou o rebote para fazer o gol.

O Coxa ainda teve tempo para descontar com Yan Sasse, aos 45’. Após cruzamento da direita, o meia desviou no meio da área para marcar o gol, tocando no contrapé do goleiro. Mas não tinha mais jeito: o Foz fez a festa no Couto Pereira.

O próximo compromisso do Coritiba pela Taça Caio Júnior é apenas para cumprir tabela, e será contra o Cianorte, às 16h30 de sábado (17), no Couto Pereira. Antes, eles focam na Copa do Brasil, enfrentando o Goiás, às 19h30 de quarta-feira (14), também em casa. Já o Foz do Iguaçu recebe o Paraná Clube, às 16h de domingo (12), no Estádio do ABC.

FICHA TÉCNICA

Coritiba 1 x 3 Foz do Iguaçu

CORITIBA (4-5-1): Wilson; César Benítez, Alan Costa, Alex Alves e Vinícius Araújo; Simião, Matheus Galdezani e Matheus Bueno; Kady (Thiago Lopes), Alvarenga (Pablo) e Evandro (Yan Sasse)

Técnico: Sandro Forner.

FOZ DO IGUAÇU (4-4-2): Glauber; Paulinho, Alex Maranhã, Leandro Silva e Luiz Beltrame; Maycon Canário, André Oliveira, Matheus Olavo (Tarcísio) e Juninho; Raphael Alemão (Marcelo Soares) e Luccas Brasil

Técnico: Negreiros.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *