Radar da Bola

Com gol não validado, Barcelona consegue empate diante do Valencia

O duelo do líder contra o vice-líder foi empolgante e polêmico. Com um gol não validado de Messi após falha de Neto, o Barcelona viu Rodrigo abrir o placar e Alba igualar o marcador.

O jogo deste domingo foi o mais aguardado da semana. O Barcelona líder, enquanto o Valencia, logo atrás buscava diminuir a vantagem, atuando no Mestalla.

Com Vermaelen e Alba, o Barcelona apostava em Messi, Suárez e Paulinho. Já o Valencia, jogava as fichas em sua torcida e principalmente, o português Gonçalo Guedes, que faz ótima temporada pelos espanhóis. Quem teve a primeira chance foi o Barça, com Paulinho. O camisa 15 arriscou de longe e mandou por cima do gol.

O primeiro tempo foi totalmente do Barcelona. Os catalães ganhavam todas as bolas e criavam as melhores chances, o Valencia assustado, cometia erros bobos. Em um destes erros, os donos da casa deram sorte. Em cruzamento, Messi bateu de primeira e Neto não conseguiu encaixar a bola e tomou um frango, caiu para tentar tirar a bola antes dela cruzar a linha do gol, o que não foi possível. Apesar da falha, a arbitragem não viu a bola cruzar a linha e seguiu o lance, para desespero dos jogadores catalães.

Na sequência da jogada, o Valencia escapou para o contra ataque e Zaza bateu cruzado para fora. Antes do apito final, Messi cobrou a falta e desta vez, Neto fez a defesa segura.

Se no primeiro tempo o Barcelona dominou o jogo, o segundo foi a vez do Valencia acordar. Aos 5, Zaza recebeu de Guedes e bateu rasteiro cruzado, assustando a defesa do Barça. Aos 11, Gonçalo Guedes driblou Umtiti e parou nos pés de Ter Stegen.

O Valencia tinha o controle do jogo, forçando o erro do Barcelona. Com Messi bem marcado e Suárez apagado, o técnico Valverde optou por Deolofeu no lugar de Rakitic, buscando a ofensividade. Mas quem abriu o placar foi o Valencia. Em mais uma jogada pela esquerda, Guedes tocou para Gaya que cruzou, Rodrigo antecipou e estufou as redes.

Aos 30, Suárez quase empatou. Após subida errada do defensor, o uruguaio bateu com força e Neto fez boa defesa. Com o time mais a frente o Barcelona parava na linha defensiva do Valencia. E somente uma genialidade para furar este bloqueio. Foi aí que Messi apareceu. Com contrato renovado, o camisa 10 mostrou o porque de ser um dos melhores de todos os tempos. Aos 35, ele deu um passe espetacular para Alba que de primeira, mandou para o gol, empatando o jogo em 1 a 1.

Nos minutos finais, as duas equipes não criaram mais oportunidades. Na próxima rodada, o Barcelona recebe o Celta de Vigo, enquanto o Valencia visita o Getafe.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *