Radar da Bola

Gol contra garante vitória coxa-branca

Após nove partidas consecutivas sem vencer no Brasileirão, Coritiba obtém primeira vitória no returno e ganha fôlego na luta contra a degola

Em partida válida pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017, o Coritiba saiu mais feliz do que seu adversário, já que conseguiu encerrar um tabu de nove jogos sem vencer na competição. O Cruzeiro, que estava há oito jogos sem perder na competição, se mostrou pouco inspirado na partida, e ainda contou com o azar do lateral Diogo Barbosa, que marcou gol contra a própria meta.

Coxa desencanta e vence após nove partidas sem vitórias

Com essa vitória, o Coxa conseguiu subir para a 18ª colocação. Já o Cruzeiro parou nos 47 pontos e na 5ª colocação.

Coxa sai na frente com gol contra

O primeiro tempo da partida foi extremamente frio, sem muita ação de ambas as equipes no setor ofensivo. As poucas finalizações aconteciam, mas nada muito claro. Aos 18’, Hudson fez fila e abriu para Elber, que chutou sem muita firmeza e a longa distância, fazendo a bola subir demais.

O Coritiba apostou bastante nas bolas paradas. E, em uma dessas jogadas, o time encontrou o seu gol. Aos 33 minutos, em escanteio cobrado por Rildo, Cléber Reis subiu e cabeceou para baixo, fazendo a bola explodir em Diogo Barbosa e trair o goleiro Fábio.

O Coxa ainda teve uma chance de ampliar, pouco depois, aos 43, mas o chute de Rafael Longuine passou à direita da meta do goleiro Fábio.

Coritiba segura placar e garante vitória

Diferente do primeiro tempo, a segunda etapa da partida foi intensa. O Coritiba conseguiu segurar o ímpeto para manter o resultado positivo. Aos 2’, Léo cruzou da direita, Alan Santos desviou de cabeça e assustou o goleiro Fábio. Ex-Coritiba, o meia Rafinha foi o responsável pelas melhores criações alvicelestes, mas não contava com uma bem postada defesa coxa-branca. Umas delas foi aos 40’, após um bate e rebate dentro da grande área, Rafinha chutou e Cléber Reis salvou o Coxa

Já pelo lado Alviverde, a estreia do meia alemão Baumjohann deu ânimo para os donos da casa. Apostando no contra-ataque, aos 25’, Carleto teve chance pela esquerda e finalizou cruzado, apenas assustando o goleiro Fábio.

A última investida do Coritiba foi já nos minutos finais da partida, quando Henrique Almeida puxou contra-ataque rápido e finalizou cruzado, forçando o goleiro rival a fazer boa defesa.

Na próxima rodada, o Coxa vai até o Rio de Janeiro para enfrentar o Vasco, no sábado, às 17h, no Maracanã. O Cruzeiro vai jogar o clássico contra o Atlético-MG, no domingo, às 17h, no Mineirão. Ambas as partidas válidas pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017.

FICHA TÉCNICA

Coritiba 1 x 0 Cruzeiro

CORITIBA (4-4-2): Wilson; Léo, Werley, Cleber Reis e Thiago Carleto; Jonas (Matheus Galdezani), Alan Santos (Edinho), Tiago Real e Rafael Longuine (Baumjohann); Rildo e Henrique Almeida

Técnico: Marcelo Oliveira.

CRUZEIRO (4-5-1): Fábio; Ezequiel, Digão, Manoel e Diogo Barbosa; Henrique, Hudson (Messidoro), Rafinha, Thiago Neves e Elber (De Arrascaeta); Rafael Sóbis (Rafael Marques)

Técnico: Mano Menezes.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *