Radar da Bola

Cristiano Ronaldo é eleito pela quinta vez como Melhor do Mundo e iguala Messi

O craque português, Cristiano Ronaldo foi eleito o Melhor Jogador do Mundo pela FIFA. O prêmio ao camisa 7 do Real Madrid e da seleção portuguesa, significou a igualdade em conquista com Lionel Messi, ao todo 5 troféus para cada um.

A premiação The Best, concedida pela FIFA, foi realizada na Inglaterra pela primeira vez. Além do prêmio principal, o evento nomeou os 11 melhores da temporada 2016/17, melhor goleiro, prêmio Puskas (Gol do Ano), melhor treinador, melhor jogadora, FairPlay e Torcida do Ano.

Cristiano Ronaldo concorria com Neymar e Messi pelo prêmio. Seu ano foi irredutível. Ele foi fundamental para o bicampeonato da Champions League (artilheiro da Liga dos Campeões, com 12 gols) e a conquista do Campeonato Espanhol. Além de conquistar a Supercopa da Espanha, a Supercopa da Europa e do Mundial de Clubes. No total, ele fez 46 jogos e 42 gols pelo Real Madrid, com média de 0,91 tento por partida. Além de ser importante para a classificação de Portugal para a Copa da Rússia.

“Quero agradecer aos meus companheiros, ao meu time (Real Madrid), aos meus companheiros de seleção também. Foi um ano extraordinário. É a 11ª vez que estou aqui (contabilizando a presença na seleção do ano). Talento, trabalho duro, dedicação e obviamente algo que em ambicionava, ganhar troféus coletivos e individuais”, disse CR7.

Apesar de Messi ter feito um grande ano individualmente, com 54 gols em 52 jogos pelo Barcelona. O argentino conquistou apenas a Copa do Rei. Já Neymar, fez 20 gols em 45 compromissos. Tendo uma grande atuação na virada histórica contra o PSG. Ambos não foram capazes de beliscar o troféu do gajo.

Além do prêmio de melhor do mundo. A FIFA nomeou a melhor jogadora da temporada. Igualmente a CR7, que conquistou o prêmio de melhor da Europa e do Mundo, a holandesa Lieke Martens, 24, foi eleita a melhor jogadora do mundo pela Fifa. Conquistando o doblete (Europa e FIFA). A jovem jogadora não esteve presente porém, realizou um vídeo agradecendo a premiação.

Para a escolha, o júri foi composto por todos os técnicos e capitães das seleções masculinas, um jornalista de cada país representado na Fifa e por torcedores registrados no site da Fifa. Cada um desses quatro grupos de votos têm o mesmo peso na eleição (25%).

Além dos melhores do ano, a FIFA nomeou:

Goleiro do Ano: Gianluigi Buffon

O melhor técnico: Zinedine Zidane;

Prêmio Puskas: Olivier Giroud (Arsenal),

Torcida do Ano: Celtic;

Fairplay: atacante togolês Francis Koné, que salvou a vida salvou a vida do goleiro Martin Berkovec em fevereiro deste ano ao evitar sua língua se enrolasse após um choque em campo.

A entidade divulgou a seleção dos 11 melhores: Buffon (Juventus), Daniel Alves (PSG), Sergio Ramos (Real Madrid), Bonucci (Milan) e Marcelo; Modric (Real Madrid), Kroos (Iniesta) e Iniesta (Barcelona); Neymar (PSG), Messi (Barcelona) e Cristiano Ronaldo (Real Madrid).

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *