Radar da Bola

Brasil para em Carlos Lampe e jogo com a Bolívia fica no 0x0

Neymar tenta o gol (Créditos: AP)

O Brasil ignorou a altitude de La Paz, criou muitas chances, mas o goleiro Carlos Lampe foi o destaque ao defender tudo. Com isso o jogo terminou em 0x0. Foram 19 finalizações brasileiras com 12 chances de gol, só que o goleiro estava em um dia inspirado e nenhuma entrou no gol. Com o empate, o Brasil foi para 38 pontos e a Bolívia, sem chance de ir à Copa, foi para 14 pontos e ocupa a penúltima colocação. Na próxima terça (10) o Brasil enfrenta o Chile na Arena Palmeiras às 20:30 (horário de Brasília) e no mesmo dia e horário a Bolívia encara o Uruguai em Montevideo.

O JOGO

O Brasil não começou muito bem, a Bolívia deu um susto aos 13 minutos: Arce cobrou escanteio, Raldés cabeceou na segunda trave e Bejarano furou o voleio. Aos 16 minutos, em outra jogada de escanteio, a Bolívia chegou, mas dessa vez Arce cobrou pra entrada da área e Machado chegou chutando. A bola passou com perigo, ms foi para fora. Aos 23 minutos o Brasil chegou com muito perigo: Neymar chutou rasteiro de fora da área e Lampe mandou para escanteio. Aos 32 minutos Gabriel Jesus disputa a bola no ataque e Neymar fica com a sobra. Ele sai cara-a-cara com o goleiro, que mais uma vez defende. Aos 38 minutos Paulinho ajeita de letra para Gabriel Jesus, que chuta à queima roupa, mas a bola bate no rosto de Lampe e sai. Aos 42 minutos quase o Brasil abre o placar: Paulinho lança Neymar, que vence Lampe e chuta, mas Valverde salva de cabeça quase em cima da linha. Aos 45 minutos Daniel Alves arrisca de muito longe e Lampe manda para escanteio. Pouco antes do fim do primeiro tempo, Marcelo Moreno rola para Diego Bejarano que solta a bomba. A bola explode no travessão, bate na linha e não entra. Fierro pega a sobre e Alisson defende.

Na volta ao segundo tempo, logo no primeiro minuto Brasil assusta com Paulinho, que desvia uma falta cobrada por Neymar. Lampe defende, mas a bola toca na trave antes de sair. Aos nove minutos Gabriel Jesus passa a bola para Neymar, que passa por dois, mas na hora de chutar é travado por Machado, que manda para escanteio. Aos 14 minutos, após um levantamento na área, Neymar solta uma pancada, a bola bate novamente no rosto de Lampe e sai. Aos 24 minutos Neymar cobra uma falta que ele mesmo sofreu, a bola sai, mas leva perigo. Aos 30 minutos Neymar chega pela esquerda, dá corte em Valverde e bate rasteiro. Porém o goleiro defende com o joelho. Mas o lance não valia mais nada por causa do impedimento de Gabriel Jesus. Aos 32 minutos Willian fica com a sobra e solta uma bomba, mas Lampe coloca para escanteio. Aos 37 minutos Neymar levanta na segunda trave, Gabriel Jesus cabeceia e Lampe salva o perigo. Aos 41 minutos Daniel Alves cruza e Gabriel Jesus cabeceia para fora.

Bolívia: Lampe; Diego Bejarano, Raldés, Luís Gutiérrez e Leonel Morales; Valverde, Justiniano (Raúl Castro), Cristhian Machado e Juan Arce (Saucedo); Eduardo Fierro (Gilbert Álvarez) e Marcelo Moreno. Treinador: Mauricio Soria.

Brasil: Alisson; Daniel Alves, Thiago Silva (Marquinhos), Miranda e Alex Sandro; Casemiro, Paulinho (Fernandinho) e Renato Augusto; Philippe Coutinho (Willian), Gabriel Jesus e Neymar. Treinador: Tite.

Cartões amarelos: Bolívia – Valverde. Brasil – nenhum.
Cartões vermelhos: nenhum.

Local: Estádio Hernando Siles, La Paz (Bolívia)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *