Radar da Bola

Juventus mostra força do seu elenco e vence Chievo Verona com time alternativo

A Juventus voltou após aos jogos de seleção com um time alternativo. Com Dybala no banco, Sturaro, Szczesny, Rugani, Asamoah e Benatia de titulares além do não inscrito na Champions League Lichtsteiner foram titulares na vitória contra o Chievo.

Um jogo teoricamente fácil para os donos da casa, Allegri escalou um time com um número considerável de ‘reservas’, claramente visando poupar alguns nomes pós-Data fifa e também para o confronto contra o Barcelona na terça-feira. Isso acabou não sendo um problema. Não houve muitas dificuldades e os gols saíram naturalmente. As contratações Szczesny, Matuidi e Douglas Costa estrearam como titulares e foram sólidos.

A Juve também teve alguns desfalques: Khedira, Chiellini e Marchisio estavam lesionados e nem foram relacionados. Alex Sandro gripado também não. Marko Pjaca ainda se recupera de uma grave lesão da última temporada e está sendo reintroduzido aos poucos de volta ao futebol.

Não demorou para o primeiro gol sair

A partida não começou muito movimentada. O domínio bianconero foi claro e o gol foi consequência. Num jogo de poucas chances, a bola parada se destacou e abriu o placar. Pjanic cruzou na área em falta pela direita e Hetemaj desviou de cabeça para o próprio gol aos 16 minutos do primeiro tempo. Fora isso, Szczesny apareceu em alguns momentos para fazer boas defesas mas nada de espetacular e Pjanic ainda teve a chance de ampliar mas parou na defesa de Sorrentino e no travessão.

No segundo tempo, Massimiliano Allegri optou por trocar Douglas Costa por Paulo Dybala. E foi efetivo. Aos 58 minutos, o camisa 10 argentino entrou em diagonal pela direita, entregou a bola para Pjanic que de um passe magistral para o artilheiro Gonzalo Higuaín fazer o 2-0. E a entrada dele não parou por ai.

Aos 82′, depois de infernizar a defesa do Chievo diversas vezes, Dybala, ao melhor estilo Arjen Robben, cortou para a esquerda e finalizou o placar em 3-0 depois de passe de Bernardeschi que também entrou. Esse foi o 5° tento da Joya no Calcio, isolando-se na artilharia.

 


Juventus 3 x 0 Chievo Verona – Serie A Tim – 3ª rodada

Estádio: Allianz Stadium

Juventus (4-3-3): Szczesny; Lichtsteiner, Benatia, Rugani, Asamoah; Matuidi, Pjanic, Sturaro (Bernardeschi); Douglas Costa (Dybala), Higuaín e Mandzukic (Bentancur)
Gols:  Hetemaj (Contra) 16′, Higuaín 58′, Dybala 82′
Técnico: Massimiliano Allegri

Chievo Verona (4-3-1-2): Sorrentino; Cacciatore, Danielli, Gamberini, Gobbi; Castro, Radovanovic, Hetemaj (Rigoni); Birsa; Inglese e Pucciarelli (Pellisier)
Gols
Técnico: Rolando Maran

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *