Radar da Bola

Fim da Janela: Giro nas contratações dos clubes europeus

Acabou a janela de transferências de clubes para a maiorias dos países europeus. Alguns fizeram contratações pontuais, outros bateram recordes e outros perderam craques.

Vejamos o que rolou durante estes meses de loucura no Mercado da Bola da Europa.

As contratações mais caras

Neymar – 222 milhões de euros (R$ 822,40 milhões) O craque do Brasil escolheu defender o Paris Saint Germain, em busca de mais motivação e ser a estrela do time. Isso se deve pela sombra de Messi, no Barcelona. O PSG abriu os cofres e pagou 222 milhões de euros, a maior contratação da história do futebol.

Ousmané Dembélé – 105 milhões de euros (R$ 388,9 milhões)

A segunda contratação mais cara da história. A mais cara da história do Barcelona. O clube catalão não economizou e trouxe a jovem promessa Ousmane Dembéle, do Borussia Dortmund, afim de suprir a saída de Neymar.

 

Lukaku – 84,7 milhões de euros (cerca de R$ 312 milhões)

Morata – 80 milhões de euros (R$ 290,6 milhões)

 

Benjamin Mendy – 57,5 milhões de euros

Lacazette – 53 milhões de euros

Kyle Walker – 51 milhões de euros

Bernardo Silva – 50 milhões de euros

 

Gylfi Sigurdsson – 49,5 milhões de euros

Bonucci  – 42,5 milhões de euros (R$ 148,2 milhões)

 

Contratações de impacto

James Rodríguez – Empréstimo ao Bayern Munich

Pouco aproveitado no elenco de Zidane, o colombiano James Rodríguez acertou por empréstimo de duas temporadas com o Bayern Munich.

 

Wayne Rooney – Everton (Sem custos)

Após 13 anos, Rooney retornou ao Everton. Ídolo do Manchester United, o camisa 10 foi negociado sem custos ao time de Liverpool.

Daniel Alves – PSG (Sem custos)

Após bela passagem pela Juventus, o lateral Daniel Alves acertou com o PSG, sem custos.

Paulinho – Barcelona (40 milhões de euros – R$ 150 milhões)

Muito criticado, o Barcelona fechou a contratação de Paulinho por um valor absurdo, por conta da idade do jogador (30). O brasileiro se tornou o quinto mais caro da história do clube e terá que provar seu valor.

Kylian Mbappé – Empréstimo de uma temporada

Uma das maiores novelas desta janela. Mbappé foi anunciado como reforço do PSG no último dia. O clube de Paris, oficializou o jogador junto ao Monaco por empréstimo de uma temporada. Após isso, o clube terá a opção de compra, podendo transformar na segunda contratação mais cara da história – € 180 milhões (R$ 674,7 milhões).

Corentin Tolisso – 41,5 milhões de euros

Contratação mais cara da história do clube bávaro. Custou aos cofres alemães, 41,5 milhões de euros (cerca de R$ 153 milhões) para tirá-lo do Lyon.

Tiemoué Bakayoko – 40 milhões de euros

Referencia no Monaco na temporada passada, o volante foi cobiçado por muitos grandes da Europa.

Nemanja Matic – 45 milhões de euros

Após anos de glória no Chelsea, o sérvio trocou pelo rival Manchester United. Sua saída se deve a insatisfação por ser reserva.

Douglas Costa – Juventus (Empréstimo)

O empréstimo custou ao time italiano € 6 milhões (R$ 22,25 milhões). Mas a Velha Senhora terá a opção de compra por € 40 milhões (R$ 148 milhões). O brasileiro atuava pelo Bayern de Munique por duas temporadas.

Milan – Esquadrão milionário

Além de Bonucci, o Milan gastou ao todo 194,5 milhões de euros. Trazendo André Silva (Porto), Andrea Conti,  Mateo Musacchio, Ricardo Rodriguez, Fabio Borini, Franck Kessié, Hakan Calhanoglu, Lucas Biglia e Nikola Kalinic.

Blaise Matuidi – 40 milhões de euros (cerca de R$ 74 milhões).

Com bela passagem pelo PSG, o francês optou pela Juventus. Ele veio a preço de ‘banana’.

Ederson – 40 milhões de euros

Pouco conhecido no Brasil, Ederson se tornou o segundo goleiro mais caro da história.

Alex Oxlade-Chamberlain – 40 milhões de euros

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *