Radar da Bola

Galo faz festa na casa alheia e derrota o Coxa

Com direito a pênalti feito e também perdido, o Coritiba foi derrotado por 2 a 0 para o Atlético-MG na estreia do técnico Marcelo Oliveira

Em partida válida pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Coxa foi derrotado dentro de casa, para a infelicidades dos torcedores Alviverdes. A dificuldade em não conseguir retomar a força dentro de casa e fazer feio mais uma vez levou a equipe ao seu quarto revés consecutivo na competição. O constante declínio pode levar a equipe paranaense a terminar a rodada como uma das equipes na zona de rebaixamento.

Primeiro tempo de pênaltis e vantagem para o Galo

O jogo mal tinha começado e o Coxa já partiu para cima. A primeira tentativa do Coritiba no ataque foi quando Galdezani foi derrubado por Adilson. Na cobrança da falta, Tomas Bastos pegou forte na bola e mandou por cima do gol.

A arbitragem foi bem cornetada por ambos os times

A primeira etapa se resumiu em reclamações de ambos os times, e todos de acordo: os erros da arbitragem. O Atlético-MG começou as reclamações quando um gol foi anulado aos 6’. Após a cobrança de falta na área, a bola foi desviada, de cabeça, direto para o fundo das redes de Wilson. Porém o impedimento foi marcado.

Aos 11’, os visitantes tanto tentaram que conseguiram alcançar o primeiro gol. Após bola levantada na área, a defesa tomou a frente e a arbitragem marcou toque de braço: penalidade máxima a favor do Atlético-MG. Fábio Santos cobrou no alto e marcou o gol.

A situação dos donos da casa poderia ter sido pior, porém eles tinham Wesley no gol. Aos 24’, William Matheus derrubou Leonardo Silva dentro da área e o árbitro marcou pênalti. O meia Cazares cobrou no canto esquerdo e o goleiro Alviverde evitou o segundo gol do Galo.

Aos 33’, Rildo caiu na área e pediu a penalidade máxima. Porém o árbitro mandou seguir o lance e a partida. Sem muita força na criação, o Coxa tentou a reação em duas finalizações ainda. Aos 30’, Tomas Bastos tentou direto e mandou a bola por cima do gol do goleiro Victor. Já aos 34’, Tiago Real fez jogada pela direita, rolando rasteiro para Henrique Almeida finalizar. Victor fez boa defesa.

Galo marca de novo e decreta vitória

A falta de criação do Coxa seguiu no segundo tempo de jogo, mas eles tentaram até o fim. Aos 6’, Tomas Bastos cobrou fechado e Victor tirou de soco. Pelo lado dos visitantes, eles queriam aumentar a vantagem. Aos 24’, Rafael Moura entrou pela esquerda, bateu cruzado e o goleiro Wilson espalmou.

O Atlético-MG liquidou a fatura no Couto Pereira aos 27’. Após tabela de Marcos Rocha com Cazares, a bola foi cruzada para direita e Rafael Moura aproveitou a falha da defesa Alviverde para marcar o segundo gol e fechar o placar. Aos 47’ ainda teve um susto para o Coxa. Cazares chegou a driblar Wilson, mas ele se recuperou e salvou o Coxa de tomar o terceiro.

O Coritiba encontra o São Paulo no Morumbi, na quinta-feira, às 19h30. Já o Atlético-MG recebe o Corinthians no Mineirão, na quarta-feira, às 21h.

FICHA TÉCNICA

Coritiba 0 x 2 Atlético-MG

CORITIBA (4-4-2): Wilson; Léo, Márcio, Luizão e William Matheus; Jonas, Matheus Galdezani (Filigrana), Tiago Real (Yan Sasse) e Tomas Bastos (Alecsandro); Rildo e Henrique Almeida

Técnico: Marcelo Oliveira.

ATLÉTICO-MG (4-5-1): Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Gabriel e Fábio Santos; Adilson (Elias), Rafael Carioca, Cazares, Gustavo Blanco (Yago) e Pablo (Luan); Rafael Moura

Técnico: Rogério Micale.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *