Radar da Bola

Placar zerado dentro de campo e vergonha fora dele

Coritiba e Corinthians ficam no 0 a 0 na manhã deste domingo. A partida fica marcada por mais uma briga brutal entre torcidas

Pela segunda vez consecutiva, o Coritiba empata dentro de casa, e não sai do 0 a 0 contra o Corinthians, em partida válida pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro 2017. As melhores e maiores chances foram dos donos da casa, mas mesmo assim a equipe alviverde não obteve sucesso ao tentar furar a defesa alvinegra. O Timão até marcou um gol no final do duelo, com Jô, mas o árbitro anulou o gol de maneira equivocada. Dessa forma, a liderança da equipe paulista está ameaçada.

Coxa tem grandes chances, mas não sai do 0 a 0 diante do Corinthians

Se dentro de campo os lamentos eram pelo placar zerado, fora de campo a partida ficou marcada pela brutalidade das brigas entre torcidas. O torcedor corintiano Jonatan José Gomes Souza da Silva foi agredido em frente ao estádio Couto Pereira, por coxa-brancas, e encontra-se em estado grave. O delegado Clovis Galvão, da Delegacia Móvel de Atendimento a Futebol e Eventos, chegou a confirmar a morte do rapaz, mas depois voltou atrás, alegando desencontro de informações. Segundo a Guarda Municipal, pelo menos outras seis pessoas ficaram feridas.

Primeiro tempo de domínio coxa-branca

Pensando em reforçar o setor com mais destaque em sua equipe, o técnico Pachequinho optou pelo volante Jonas para ajudar na marcação dentro do meio de campo, além de garantir maior liberdade para que Matheus Galdezani pudesse armar as jogadas.

A equipe alviverde foi mais pra cima no primeiro tempo. Já aos 15’, Galdezani arriscou de fora da área, mas o chute não saiu com tanta força e o goleiro do Corinthians faz a defesa. A primeira grande oportunidade foi aos 27’. Em cobrança de falta de William Matheus, Henrique Almeida desviou de cabeça e a bola passou perto do gol. Mas foi marcado impedimento dele.

Aos 38’, o volante Jonas surgiu da intermediária e chutou perto do travessão, quase surpreendendo Cássio. Já aos 42’, o Corinthians errou na saída de bola e Henrique Almeida invadiu a área, chutando colocado para ótima defesa de Cássio.

Times tentam, mas placar fica zerado

O Coritiba voltou do intervalo disposto a marcar seu gol da vitória e quase conseguiu logo no primeiro minuto. Rildo tocou para Henrique Almeida, que fez o corta-luz para Alan Santos. O volante coxa-branca chutou de primeira, mas o goleiro Cássio caiu para fazer a defesa.

Porém a melhor chance do Coxa na segunda etapa da partida foi aos 20’. William Matheus cruzou a bola na área, Henrique Almeida chutou de primeira e a bola passou perto da trave. Aos 26’ foi a vez do Corinthians partir para o ataque, em cruzamento da esquerda para Jô, mas o goleiro do Coxa deu um soco na bola e cortou o perigo.

O lance polêmico da partida ficou por conta de Jô. Nos acréscimos, o atacante chegou a balançar as redes, mas o assistente marcou o impedimento. Após a partida, os corintianos reclamaram da arbitragem. Contabilizando mais um empate, o Coxa permanece entre os quatro primeiros colocados por mais uma rodada. Na próxima rodada, o Verdão enfrenta o Grêmio na quinta-feira (22), às 21h, em Porto Alegre. Já o Corinthians recebe o Bahia, às 19h30, em Itaquera.

FICHA TÉCNICA

Coritiba 0 x 0 Corinthians

CORITIBA (4-3-3): Wilson; Dodô, Werley, Márcio e William Matheus; Jonas, Alan Santos (Neto Berola) e Matheus Galdezani; Rildo (Iago Dias), Henrique Almeida (Alecsandro) e Alecsandro

Técnico: Pachequinho.

CORINTHIANS (4-5-1): Cássio, Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Gabriel (Camacho), Maycon, Marquinhos Gabriel (Clayson), Rodriguinho e Romero; Jô

Técnico: Fábio Carille.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *