Radar da Bola

Com Arena lotada, Tricolor desperdiça nova oportunidade de chegar na liderança

Em “final antecipada”, com as duas melhores equipes do país medindo forças, deu Corinthians cada vez mais líder do Brasileirão, neste domingo. Pela 10ª rodada, jogando na Arena, em Porto Alegre, o Timão superou o Grêmio pelo placar de 1 a 0. Com direito a pênalti defendido por Cássio e gol de Jadson, em contra-ataque mortífero. Com a vitória, o Corinthians abre quatro pontos de vantagem e dispara na liderança, com 26 pontos. O Grêmio se mantém vice-líder, com 22, a seis do terceiro, o Palmeiras.

As duas equipes voltam a campo por competições distintas já na próxima quarta-feira. O Tricolor recebe o Atlético-PR, às 18h30, na Arena, pelo jogo de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Já os paulistas enfrentam o Patriotas, às 21h45, no La Independencia, pela Segunda Fase da Copa Sul-Americana.

Pela 11ª rodada do Brasileirão o Grêmio tem pela frente o Palmeiras, no sábado, às 16h, em São Paulo. O Corinthians, por sua vez, recebe o Botafogo no domingo, às 16h, na Arena Corinthians.

 

Primeiro tempo

O Grêmio adotou uma postura ofensiva no início, por contar com o apoio de 54 mil torcedores e também pelo fato de estar um ponto atrás do adversário na tabela de classificação. No primeiro minuto, Ramiro recebeu de Luan e acionou Edílson na grande área. O chute cruzado foi defendido por Cássio. Já aos oito, Pedro Rocha alçou a bola na área e Ramiro passou da bola. Cássio conseguiu fazer a defesa. A primeira chance clara de gol foi do Corinthians, aos 11 minutos. Paulo Roberto se antecipou a Luan na intermediária e avançou com velocidade para deixar Pedro Geromel para trás e sair na cara do goleiro. Marcelo Grohe interceptou a finalização e Rafael Cortez apareceu para afastar antes de Jadson concluir para a rede. Aos 14, Pedro Rocha foi deslocado por Paulo Roberto na esquerda. Luan cobrou e a bola passou à direita de Cássio, sem perigo. Já aos 19, Pedro Rocha soltou uma bomba da meia esquerda e Cássio se esticou para espalmar.

O Grêmio se aproximou do gol aos 23, Luan cruzou da esquerda e Pedro Geromel apareceu para finalizar na pequena área. A bola saiu à direita de Cássio. Enquanto o Grêmio acumulava quatro finalizações, o Corinthians contabilizava apenas uma. Aos 28, Ramiro cruzou do bico da grande área pela direita e a bola ganhou a direção do gol. Passou rente à trave direita de Cássio. Já aos 29, Maycon arrematou de longe e a bola quicou. Por segurança, Marcelo Grohe espalmou para escanteio. O Grêmio ameaçou novamente aos 32 minutos. Lucas Barrios recebeu na intermediária e finalizou. Cássio caiu no canto direito para defender. Aos 42, Fagner cruzou da direita e Rodriguinho desviou de cabeça. A bola passou à esquerda, sem perigo.

Segundo tempo

O Corinthians abriu o placar na primeira oportunidade da etapa final, aos seis minutos. Paulo Roberto disparou em velocidade pela esquerda e chegou à linha de fundo. O cruzamento rasteiro passou por Jô, mas Jadson aproveitou a falha da marcação para concluir. A bola passou por baixo das pernas de Marcelo Grohe. A desvantagem no placar fez o Grêmio intensificar as ações ofensivas. Aos 10 minutos, Bruno Cortez cruzou da esquerda e Lucas Barrios desviou de cabeça. Cássio defendeu com segurança. Aos 13, Ramiro arriscou o chute de fora da área e a bola passou à esquerda. Já aos 17, Pedro Rocha conduziu pela esquerda e rolou para Luan. Ele arrematou de longe, mas sem direção. Aos 20, Pedro Rocha disputou a bola com três marcadores na grande área pela esquerda e deu o passe para o meio. Luan apareceu e concluiu de bico. Atento no lance, Cássio segurou sem rebote.

Com a necessidade de chegar pelo menos ao empate, Renato Portaluppi apostou em Fernandinho na vaga de Arthur. Aos 24, Fernandinho tabelou com Barrios, mas a bola foi adiantada e Cássio fez a defesa. O técnico Fábio Carille decidiu pelo ingresso de Marquinhos Gabriel aos 27, na vaga de Rodriguinho. No Grêmio, Gastón Fernández substituiu Pedro Rocha. Outras duas trocas foram processadas aos 34 minutos. Everton entrou no lugar de Edílson e ao mesmo, Camacho foi para o jogo no posto de Paulo Roberto. Na marca dos 37 minutos, em um cobrança de escanteio, Marquinhos Gabriel puxou Pedro Geromel na grande área. O árbitro não titubeou e assinalou o pênalti. Luan cobrou no canto direito e Cássio defendeu. A oportunidade para igualar o marcador foi desperdiçada. A última troca do Corinthians foi a entrada de Clayson na vaga de Ángel Romero. Já aos 41, Everton dominou pelo meio e finalizou. A bola passou rente ao poste esquerdo. Aos 47, Gastón Fernández recebeu na grande área e concluiu no canto esquerdo. Cássio defendeu. Apesar das tentativas, o Grêmio decepcionou ao ser derrotado em casa e ficar quatro pontos atrás do líder.

GRÊMIO 0 x 1 CORINTHIANS – CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE A, 10ª RODADA

Arena do Grêmio, em Porto Alegre

Arbitragem: Wilton Pereira Sampaio, auxiliado por Bruno Raphael Pires e Leone Carvalho Rocha (trio de GO)

Amarelos: Kannemann, Edílson e Pedro Geromel (Grêmio); Rodriguinho, Cássio, Ángel Romero e Jô (Corinthians)

Gol: Jadson, 6’/2º .(Corinthians)

Grêmio: Marcelo Grohe; Edílson (Everton), Pedro Geromel, Kannemann, Bruno Cortez; Michel, Arthur (Fernandinho), Ramiro, Luan e Pedro Rocha (Gastón Fernández); Lucas Barrios. Técnico: Renato Portaluppi

Corinthians: Cássio; Fagner, Pablo, Balbuena e Guilherme Arana; Paulo Roberto (Camacho), Maycon, Jadson e Rodriguinho (Marquinhos Gabriel); Ángel Romero (Clayson) e Jô. Técnico: Fábio Carille

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *