Radar da Bola

Com time mesclado Atlético goleia, encaminha classificação e agora só pensa na final do Mineiro 2017

Em partida válida pela penúltima rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América  2017, o Atlético foi à Santa Cruz de La Sierra e mesmo se valendo de um time alternativo com titulares e reservas, passou fácil pelo Sport Boys com goleada por 5×1, encaminhou a classificação para as oitavas de final e dorme líder do grupo 6.

 

Sem Gabriel, Robinho e Fred, Róger mandou a campo uma formação diferente da habitual, com Adílson, Rafael Carioca e Elias formando a trinca de volantes. Deu certo uma vez que o Atlético dominou os minutos iniciais do jogo. Otero que formou a meiuca ofensiva junto ao Cazares mandou uma bomba na trave logo no primeiro ataque. Era um prenúncio do que estaria por vir. Aos 10 minutos, Rafael Moura que comandou o ataque, lançou para Cazares. O zagueiro cometeu falha bisonha e Cazares na cara do gol finalizou com precisão. Galo 1×0.

 

Os alvinegros comandavam a partida. E aos 16 minutos, Otero roubou a bola na defesa, partiu em disparada e lançou Rafael Moura que ajeitou e disparou uma bomba no canto alto do goleiro Carlos Arias. Galo 2×0. A partir daí o Atlético relaxou e deixou de propor o jogo. Os Bolivianos cresceram e começaram a assustar.

 

Aos 35 minutos Messidoro cruzou da esquerda, Leonardo Silva subiu atrapalhado e cabeceou no próprio braço. O arbitro assinalou a marca da cal. Pênalti que Castillo fez questão de bater para fazer valer a lei do ex. O atacante boliviano atuara pelo galo no fraco time do centenário alvinegro de 2008. Galo 2×1. O Atlético ainda levaria perigo em uma falta cobrada por Cazares e rebatida no braço de Tenório. Mas mesmo sobre pressão dos alvinegros, o árbitro não assinalou a penalidade. Fim do primeiro tempo.

 

Na segunda etapa as duas equipes voltaram sem alteração. E Otero, agora no segundo minuto voltou a carimbar a trave dos bolivianos. O Atlético manteve o ritmo e logo marcou o terceiro gol. Aos 15 minutos, Elias ajeitou para Rafael Moura que de fora da área mandou uma bomba. A bola bateu na trave, nas costas do goleiro e se ofereceu com o gol escancarado para Elias. O camisa 8 escorou para as redes. Galo 3×1.

 

Em seguida, aos 17, numa cobrança de falta de muito longe Otero percebeu o goleiro mal posicionando. O venezuelano mandou um efeito sensacional, o goleiro tentou voltar para o canto direito e acabou aceitando. Galo 4×1

 

Com o resultado encaminhado, Roger aproveitou para poupar mais alguns titulares já pensando no clássico que decide o título estadual, no domingo contra o Cruzeiro.

Primeiro, aos 22 minutos sacou Leonardo Silva para que Erazo fizesse sua estréia no ano. Em seguida Marcos Rocha deu lugar a Carlos Cesar. E por fim tirou o Rafael Carioca que já tinha amarelo e está fora da última rodada, para a entrada do jovem Yago.

 

E foi Yago que deu a assistência para Cazares dar números finais ao jogo. Aos 43 minutos, Adilson roubou a bola no meio de campo e tocou para o prata da casa que encontrou Cazares na entrada da área. O equatoriano tocou no canto, na saída do goleiro e fez o seu segundo gol no jogo, terceiro na Libertadores. Galo 5×1.

 

O Atlético volta a jogar pela maior competição continental somente no dia 16/05, quando receberá o Godoy Cruz pela última rodada da fase de grupos e muito provavelmente valendo a liderança do grupo 6. Antes, porém, no próximo domingo o Galo recebe seu maior rival pela finalíssima do Campeonato mineiro 2017. Sem vencer os azuis nos últimos 8 jogos, o Atlético precisa apenas de um empate para levantar a taça. Para isso, além do retorno de Gabriel, Fred e Robinho, a equipe conta com a força da torcida que lotará o estádio Independência para fazer valer a velha mística:

 

“ Caiu no Horto tá morto!”

 

 

 

SPORT BOYS 1 X 5 ATLÉTICO

Sport Boys
Carlos Arias, Juan Carlos Zampiery, Cristian Coimbra, Alejandro Melean e José Luis Sánchez Capdevila; Guery Garcia, Samuel Galindo, Edvaldo Rojas e Alexis Messidoro; Carlos Tenorio (Ovejero) e José Castillo (Leo Vaca)
Técnico: Pablo Caballero

Atlético
Victor, Marcos Rocha (Carlos César), Leonardo Silva (Erazo), Felipe Santana e Fábio Santos; Adilson, Rafael Carioca (Yago), Elias, Cazares e Otero; Rafael Moura
Técnico: Roger Machado

Motivo: quinta rodada do Grupo 6 da Copa Libertadores
Estádio: Ramón Tahuiche Aguilera, em Santa Cruz de la Sierra (BOL)
Data e hora: quarta-feira, 3 de maio, às 19h30

Gols: Cazares, aos 10, Rafael Moura, aos 16, Castillo, aos 41 minutos do primeiro tempo; Elias, aos 15, Otero, aos 17, e Cazares, aos 43 minutos do segundo tempo
Cartões amarelos: Galindo, Messidoro (SPO); Rafael Carioca, Otero (ATL)

Árbitro: Jesus Valenzuela (VEN)
Assistentes: Carlos Lopez e Elbis Gomez (VEN)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *