Radar da Bola

Beira-Rio: Inter decepciona e empata com o ABC

Quando se esperava que a equipe do Internacional repetisse o bom desempenho contra o Londrina – apresentado na 1ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, o Colorado ficou apenas no empate em 1 a 1 com o ABC-RN – em seu primeiro jogo como mandante no Beira-Rio na competição, neste sábado (20). O Inter até saiu na frente com gol do estreante William Pottker, mas Adriano Pardal igualou o marcador já na segunda etapa.

Embora tenha empatado, o Inter segue no G-4. O Colorado ocupa a quarta colocação da tabela, com quatro pontos. Já o ABC está em 11º, com dois pontos. As duas equipes voltam a jogar no próximo sábado (27), às 16h30. Enquanto os nordestinos recebem o Vila Nova no Frasqueirão, os gaúchos vão a Belém enfrentar o Paysandu.

Primeiro tempo

No primeiro jogo no Beira-Rio na Série B, o Inter queria mostrar ao torcedor que vai dar o melhor para voltar à elite. Desde os primeiros minutos, a equipe, que entrou em campo com formação e postura bem ofensiva, buscava o gol. Aos seis minutos, o estreante William Pottker cruzou na área, Oswaldo cabeceou para afastar o perigo e a bola bateu na rede pelo lado de fora, enganando parte da torcida, que chegou a comemorar. Pouco depois, aos nove, Cirino acionou Nico Lopéz, que cruzou rasteiro para a área, procurando Pottker, mas ele chegou atrasado e não alcançou a bola.

Foi dos pés de Pottker, aliás, que saiu mais uma chance de gol. Aos dez minutos, o atacante cruzou rasteiro da direita, mas Edson conseguiu afastar o perigo com as pontas dos dedos. E o estreante estava cheio de vontade de mostrar bom futebol. Aos 13, o jogador avançou pela direita e tentou encobrir o goleiro, mas o zagueiro conseguiu afastar o perigo. Uma das melhores chances do Colorado, no entanto, aconteceu aos 21 minutos, com Cirino. O atacante recebeu de Rodrigo Dourado dentro da área e finalizou no cantinho. Se o chute não tivesse sido fraco, teria endereço certo. No lance seguinte, Nico López concluiu duas vezes: primeiro após lançamento de Felipe Gutiérrez, que Edson salvou, e no rebote, que mandou para fora.

Passado o ímpeto inicial, o Inter perdeu o domínio do jogo e o ABC começava a crescer na partida. No entanto, o time de Geninho não conseguia ser efetivo ao criar jogadas e dava pouco trabalho ao goleiro Daniel. Em uma bola parada, o Inter poderia ter aberto o placar aos 36 minutos. William cruzou da direita para Cirino que subiu alto e cabeceou, mas mandou para fora. O gol saiu já no fim da primeira etapa. Pela esquerda, Uendel fez o cruzamento, passou por todo mundo e encontrou Pottker, que se jogou para empurrar para o fundo da rede e fazer seu primeiro gol com a camisa do Inter.

Segundo tempo

Assim como aconteceu no primeiro tempo, a segunda etapa começou com domínio colorado. Aos três minutos, Pottker lançou para López, que chutou alto demais. Aos seis, foi a vez do uruguaio acionar D’Alessandro, que concluiu muito mal com o pé direito. O ABC teve a primeira chance do segundo tempo aos nove minutos. Gegê arriscou de fora da área, mas mandou sem direção. O Inter respondeu aos nove. Victor Cuesta mandou uma bomba de longe, mas Edson defendeu.

O ABC até conseguiu balançar as redes aos 14 minutos. Após escanteio, Felipe Guedes chutou bem, Daniel defendeu e, no rebote, Zotti marcou. No entanto, o árbitro assinalou impedimento e anulou o gol. Pouco depois, aos 18, o time do Rio Grande do Norte voltou a assustar. Cleiton pegou rebote e soltou uma bomba que passou muito perto.

O Inter poderia ter aumentado a diferença aos 24 minutos. Gutiérrez soltou uma bomba, mas Edson defendeu. Dois minutos depois, Dalberto cabeceou e, por pouco, não encobriu Daniel, mas a bola subiu demais. O gol saiu aos 32 minutos. Mais uma vez Dalberto, que havia entrado no lugar de Erivélton, fez jogada pela direita, invadiu a área e cruzou para Pardal empatar. 1 a 1 no Beira-Rio!

Com o empate, o Inter voltou a procurar o ataque. Aos 38 minutos, a equipe teve uma boa chance. William Pottker cruzou, Roberson tentou cabecear e Nico López completou, obrigando Edson a fazer grande defesa. O goleiro ainda foi bem na defesa de uma cobrança de falta de D’Alessandro aos 41, em cruzamento da direita de Carlinhos, aos 46, e cabeceio de Roberson, já nos acréscimos. Apesar da pressão colorada nos minutos finais, a partida terminou empatada.

SÉRIE B – INTERNACIONAL 1 X 1 ABC-RN

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ) / Assistentes: João Luiz Coelho de Albuquerque e Michael Correia (ambos do RJ)

Cartões amarelos: Anderson Pedra (ABC)

Internacional: Daniel; William, Ortiz, Cuesta, Uendel (Carlinhos); Dourado, Gutiérrez (Roberson) e D’Alessandro; William Pottker e Nico López e Marcelo Cirino (Diego). Técnico: Antônio Carlos Zago

ABC-RN: Edson, Bocão (Levy), Oswaldo, Cleiton, Eltinho, Anderson Pedra, Felipe Guedes, Gegê, Erivélton (Dalberto), Zotti (Adriano Pardal) e Nando. Técnico: Geninho

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *