Radar da Bola

Top 10: Jogos do Panathinaikos nas competições UEFA

Nos últimos anos, o Panathinaikos vem perdendo sua soberania no futebol grego para o Olympiakos, porém quando o trevo é o encarregado de honrar as cores helênicas nas competições UEFA ele mostra uma personalidade diferente, a de um bravo guerreiro.

Ao longo da história, o Panathinaikos conquistou vitórias históricas e feitos que nenhum outro clube do país repetiu, o trevo já foi finalista da extinta Copa dos Campeões, e em outras duas oportunidades chegou nas semifinais. Batendo gigantes do continente ele foi por muitos anos uma pedra no sapato dos clubes, e aqui vamos relembrar dez jogos históricos do Panathinaikos na UEFA Champions League e Europa League

1) – 1984/85 – Panathinaikos 2×1 Feyenoord
O Panathinaikos de Jacek Gmoch enfrentou o Feyenoord pelas primeiras fases eliminatórias em Atenas e conseguiu um grande resultado, com gols de Kostas Mavridis e Juan Rocha venceu os Holandeses que ainda viriam a marcar com Johnny Rep e se classificar. Nesta temporada ele foi eliminando Linfield (Irlanda do Norte) e IFK Goteborg (Suécia) até ser derrotado pelo Liverpool nas semifinais.

2) – 1987/88 – Panathinaikos 1×0 Juventus
A primeira de duas partidas que o Panathinaikos enfrentou a Juventus pela segunda fase daquela Copa dos Campeões começou em Atenas, o ídolo do clube, Dimitris Saravakos foi as redes ainda aos 5 minutos de bola rolando e deu a vitória para seu clube, que precisava de um simples empate em Turim para avançar.

3) – 1987/88 – Juventus 3×2 Panathinaikos
A volta aconteceu no Delle Alpi, e a Juve comandada por Ian Rush e Michael Laudrup deu o troco no Panathinaikos, com dois gols do capitão Antonio Cabrini e um de Angelo Alessio que estavam colocando a Velha Senhora na próxima fase, porém Dimitris Saravakos voltou a balançar as redes de Stefano Tacconi e recolocar o Panathinaikos na briga, o gol de Hristos Dimopoulos selou a classificação verde graças aos critérios de gols fora.

4) – 1995/96 – Porto 0x1 Panathinaikos
Em 1995, o Panathinaikos era um time buscando afirmação nas competições UEFA, e sem um time brilhante sofreu para vencer o Porto, quando Alexandros Alexoudis fora expulso, a missão do trevo ficou mais complicada, Dimitris Markos balançou as redes aos 40 do primeiro tempo, Juan Rocha fechou a defesa para o time assegurar a vitória, e no final dos 90 minutos, quem festejou foi o trevo.

5) – 2000/01 – Panathinaikos 3×1 Juventus
No Estádio Olímpico de Atenas, o Panathinaikos recebeu a Juventus para se vingar da derrota no primeiro turno, e mesmo sem toda a badalação foi o trevo quem venceu na última rodada e ganhou uma das vagas para a fase eliminatória, os gols foram marcador por Paulo Sousa, em um de seus únicos 10 jogos pelo clube, Angelos Basinas e Krzysztof Warzycha, Pippo Inzaghi diminuiu para a Velha Senhora.

6) – 2001/02 – Panathinaikos 1×0 Barcelona
O que hoje pode ser considerado impossível, já aconteceu pela Liga dos Campeões, o Panathinaikos derrotou o Barcelona que tinha em seu elenco nomes como Frank de Boer, Cocu, Kluivert, Puyol, Xavi, Thiago Motta entre outros. Angelos Basinas cobrando pênalti aos 79 minutos marcou o único gol da partida que foi tida como histórica devido ao retrospecto negativo entre Panathinaikos e Barcelona.

7) – 2002/03 – Porto 0x1 Panathinaikos
O Porto de José Mourinho conheceu a fúria do Panathinaikos no Estádio das Antas, Emmanuel Olisadebe marcou o único gol da movimentada partida válida pelas quartas de final da Copa UEFA. O Porto depois conseguiu reverter fora de casa e avançar, mas nem mesmo a derrota em casa na volta tirou o brilho do Panathinaikos que surpreendeu o continente.

8) – 2002/03 – Panathinaikos 4×1 Fenerbahce
Um dos mais brilhantes Panathinaikos da década recebeu em sua casa o Fenerbahce, para um confronto histórico entre gregos e turcos. Sergio Markarian mandou a campo um time ofensivo e com espaços para jogadas individuais, e elas apareceram ao longo dos 90 minutos, Nikos Liberopoulos e Janis Michaelsen balançaram as redes, assim como os lendários Giannis Goumas e Krzystof Warzycha, ídolos do clube. O Fener só conseguiu balançar as redes com Tuncay Sanli, e não impediu a goleada verde.

9) – 2005/06 – Panathinaikos 2×1 Werder Bremen
Em Atenas, o Panathinaikos era uma zebra neste confronto, pois não tinha um grande time e nem mesmo um jogador que pudesse desequilibrar a partida, o que ninguém contava era que Alberto Malesani sabia fazer esquemas ofensivos impressionantes, logo aos 5 minutos Equi Gonzalez abriu o placar, aos 8 Vangelis Mantzios ampliou, e o Bremen que muito tentou, só conseguiu diminuir com Miroslav Klose aos 41. Esta foi a única vitória do clube no grupo C, que ainda tinha Barcelona e Udinese.

10) – 2008/09 – Internazionale 0x1 Panathinaikos
Disputado em Milão, a Internazionale era a principal favorita ao grupo B da Liga dos Campeões, pois tinha em seu elenco nomes como Zanetti, Figo, Ibrahimovic, Adriano, Materrazi entre tantos outros craques. Mas quem venceu o confrontos foi o Panathinaikos, e com gol do zagueiro Sarrigi que sempre foi contestado por não ter muita habilidade. O trevo venceu a Inter, e de quebra terminou o grupo na liderança.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *