Radar da Bola

Sair pela porta da frente é o foco do atacante da Ponte Preta

Chegando a reta final do campeonato Paulista, o atual jogador da Ponte Preta Willian Pottker já está confirmado como reforço do Internacional para a Série B do Campeonato Brasileiro. O jogador que brilhou no último jogo diz estar 100% concentrado para ajudar o clube de Campinas para conquistar o primeiro título em sua história centenária.

Em entrevista ao programa “Bem, Amigos!”, do canal fechado SporTv, Pottker disse que é preciso fazer o melhor até o seu último dia na Ponte Preta para deixar Campinas pela “porta da frente”. O atacante usou Gabriel Jesus como exemplo ao lembrar que o camisa 9 da seleção brasileira não se poupou durante a campanha do título da Série A do Palmeiras, em 2016, mesmo sabendo que já estava vendido para o Manchester City.

“Eu acho que está mudando um pouco. O maior exemplo disso é o Gabriel Jesus, um menino que estava vendido também e queria ser campeão de qualquer jeito. Hoje em dia, os jogadores não querem deixar os clubes de qualquer jeito. Até pelo fato de ser uma porta que precisamos deixar aberta. O pensamento é sempre de deixar os clubes pela porta da frente e fazer o melhor até o final”. Confirmou.

Pottker diz que vai honrar a camisa da Ponte até o último jogo

Pottker que mostrou garra no último jogo, deixou a sua marca na vitória de 3 a 0 da Ponte Preta sobre o Palmeiras, no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paulista, no último domingo, em Campinas. O jogo da volta será no próximo sábado, na arena da equipe alviverde, às 19h. O time comandado por Eduardo Baptista precisará vencer por quatro gols de diferença para se classificar. Se ganhar por três, a decisão da vaga vai para os pênaltis. O critério de gol fora de casa não é levado em conta no Paulistão.

Além da Ponte, o jogador, de 23 anos, passou por Figueirense, Gandzasar (Armênia), Ventforet Kofu (Japão), RB Brasil, Linense e Braga B (Portugal). Neste ano, ele já tem quatro gols em quatro partidas pela Macaca. Na última quarta, marcou duas vezes e foi o principal responsável pela virada por 2 a 1 sobre o Botafogo-SP, em Ribeirão Preto.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *