Radar da Bola

É o fim da “Era Berlusconi”: Milan é vendido por R$2,5 bilhões

Nesta quinta-feira, 13, foi oficializado a compra do Milan por um grupo chinês, pondo assim final à “Era Berlusconi”. uma vez que a Holding Rossoneri Sport Investment Lux pagou 740 milhões de euros (R$ 2,5 bilhões) para controlar 99,93% das ações do clube italiano. Deste valor, cabe ressaltar, 220 milhões (R$ 720 milhões) são de dívidas.

O investidor chinês Li Yonghong, dono da holding Rossoneri Sport Investment Lux, já havia desembarcado na cidade italiana na última quarta-feira (12) para fechar a compra do clube por R$ 2,5 bilhões.

Empresário David Han Li chega à Itália para fechar acordo da compra do Milan

O próximo passo será dado nesta sexta-feira, uma assembleia com os sócios para concretizar a transferência de ações para o fundo de investimentos. Uma entrevista coletiva para dar detalhes da compra também será realizada neste dia 14.

O Milan segue em baixa no futebol italiano e não vence o Calcio desde 2011. Nesta temporada, está em sexto, dez pontos atrás do último time classificado para a Liga dos Campeões e a 20 da liderança. Apesar disso, faturou a Supercopa da Itália ao derrotar a Juventus.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *