Radar da Bola

Atacante Jô rebate declaração de Maicon

Principal beneficiado pela atitude de Rodrigo Caio no clássico do Corinthians contra o São Paulo, neste domingo, no Morumbi, o atacante Jô preferiu deixar de lado as opiniões dos jogadores rivais sobre o assunto. Rodrigo se acusou ao árbitro Luiz Flávio de Oliveira num lance que havia gerado cartão amarelo a Jô – foi o são-paulino quem pisou no goleiro Renan Ribeiro.

Nesta segunda-feira, o zagueiro Maicon gerou polêmica ao afirmar: “Prefiro a mãe do meu adversário chorando em casa do que a minha”.

Questionado sobre a afirmação do rival, Jô rebateu com tranquilidade:

“Não só no esporte, na vida, as pessoas têm de ser honestas. Quanto ao Maicon, não posso falar muito, cada um tem um caráter e um modo de pensar. O Rodrigo Caio foi exemplo para muitas crianças, cada um tem um pensamento e um caráter, cada um pensa da maneira que quiser”. Afirmou.

Rodrigo Caio pisa em Renan Ribeiro e se acusa ao árbitro; Jô teve cartão amarelo retirado

Jô, inclusive, espera que a atitude do adversário sirva de exemplo dentro do próprio elenco. Experiente, ele promete cobrar seus companheiros para que evitem malandragem em campo.

“A gente procura ser o mais honesto. Se fosse aqui, eu sairia em defesa e elogiaria meu companheiro. Hoje ali dentro, conversando, procurei frisar que essa atitude nos responsabiliza muito. Numa próxima situação… Ontem foi a nosso favor. Mas se acontecer conosco, temos de fazer igual. E quem passa por isso tem de entender. Tem de ser humano, honesto. Todo mundo no grupo entende”, explicou Jô, que, na primeira rodada do Paulistão, admitiu ter cavado um pênalti contra o São Bento.

Jô está pendurado com dois cartões amarelos, sendo assim ele não enfrentaria o São Paulo no próximo domingo, em Itaquera, se a advertência fosse mantida pelo árbitro. Com a vitória por 2 a 0 no Morumbi, o Timão pode até perder por um gol de diferença para se classificar a final do Campeonato Paulista.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *