Radar da Bola

Chape e Figueira ficam no 1×1 na Arena Condá

Fonte: Fom Conradi/Fomtography)

Chapecoense não passou de um empate contra o Figueirense na Arena Condá. Rossi marcou para os donos da casa e Bruno Alves fez para os visitantes. O grande nome do jogo foi Thiago Rodrigues, goleiro do Figueirense, que fechou o gol. Com o resultado ambas as equipes estão com oito pontos e fora da briga pelo título do primeiro turno, já que faltam três rodadas e o Avaí tem oito pontos de vantagem.

O JOGO

A Chape entrou no jogo partindo pra cima do Figueira e querendo acabar com a má fase. Aos 12 minutos, em uma cobrança de escanteio, Andrei Girotto subiu mais alto e cabeceou para a boa defesa de Thiago Rodrigues. Aos 16 minutos, também após um escanteio, Rossi fica com a sobra e cruza para Andrei Girotto que emenda no canto, mas o goleiro faz uma bela defesa. Aos 25 minutos, Rossi apareceu na área e chutou cruzado, mas o goleiro salvou novamente o Figueira. Aos 41 minutos Anderson Aquino cobrou escanteio e Bruno Alves subiu livre para fazer o gol do Figueirense.

No segundo tempo a Chape voltou sem o mesmo ritmo de antes e só ameaçou aos nove minutos com Reinaldo, que entrou na área, chutou cruzado e Thiago Rodrigues espalmou. A bola bateu no travessão e voltou para Rossi, que de bicicleta, mandou novamente no travessão. Aos 21 minutos Andrei Girotto experimentou de fora da área, mas o arqueiro estava atento. Aos 28 minutos, Diego Renan cobra lateral na área, Douglas Grolli desvia de cabeça e a bola sobra para Niltinho que estufa as redes empatando o jogo, porém o juiz anula alegando posição irregular do atacante. Após pressionar muito, finalmente o gol da Chape: aos 46 minutos Niltinho cruzou e Rossi cabeceou no canto direito sem chances para Thiago Rodrigues. Depois o juiz terminou o jogo.

Chapecoense: Elias; Diego Renan, Douglas Grolli, Nathan e Reinaldo; Amaral, Andrei Girotto (Luiz Antonio) e Nadson (Martinuccio); Niltinho, Rossi e Wellington Paulista (Túlio de Melo). Treinador: Wágner Mancini.

Figueirense: Thiago Rodrigues; Dudu, Dirceu, Bruno Alves e Guilherme Morassi (Everton); Josa, Yago e João Pedro; Anderson Aquino (Marcus Índio), Ermel (Matheus Pereira) e Bill. Treinador: Márcio Coelho.

Cartões amarelos: Chapecoense – Wellington Paulista. Figueirense – Dudu e Bruno Alves.
Cartões vermelhos: nenhum.

Local: Arena Condá, Chapecó/SC

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *